Vamos cortar o cabelo?

Arthur cortando o cabelo, dessa vez mais tranquilo.

Para a maioria das crianças, a hora de cortar o cabelo é uma tortura. Comigo não foi diferente.A gente sempre cortava o cabelo dele em casa, enquanto ele dormia, mas chegou o momento de levar ele em um lugar especializado.A primeira vez que levei meu filho para cortar o cabelo, passei a tarde toda no salão, o colocava no meu colo, na cadeira, ficava em pé. Era choro, grito e paciência.

Pensei: será que toda vez vai ser assim? A primeira vez que cortamos o cabelo em um salão ,ele estava lotado, um monte de criança correndo de um lado para outro, fora o calor infernal que estava fazendo em São Luís, tudo isso contribui para deixar ele mais estressado ainda.

Conversando com a moça que corta o cabelo do meu filho e com as experiências vividas, resolvi dar essas dicas para as outras mamães:

-Escolha um salão especializado em corte de crianças. Além do cuidado de quem corta, geralmente o salão é lotado de brinquedos, DVDs infantis e tudo mais para distrair as crianças.

-Leve ele pela manhã. A criança vai estar descansada e fora que em lugares muito quentes o clima vai estar mais ameno.

-Evite levar nos finais de semana. Geralmente é o período mais lotado de todos os salões.

Espero poder ajudar, pois comigo funcionou que é uma beleza.